Fundamentos para você ensinar seu cavalo a trocar de mão

 

Banner 3 fundamentos para você trocar de mão cavalo Connect Vaquejada CVAQ

 

Se você chegou aqui, deve estar se perguntando quais os exercícios ou quais as maneiras mais fáceis pra ensinar um cavalo a trocar de mão. Muitos treinadores erram exigindo demais do cavalo, fazendo muita força na rédea e querendo arrastar o cavalo, achando que vai forçar o animal a fazer a troca de mão. Isso está longe de ser certo, e além de não gerar resultado nenhum, só vai aumentar o nível de estresse do animal e gerar problemas futuros. Mas pra te ajudar a realizar a troca de mão da forma mais fácil possível, trouxemos 3 fundamentos que você precisa saber pra realizar esse movimento.

Antes de tudo, como sabemos se um cavalo usa a mão correta?

Usar a mão correta é um hábito que dá ao animal mais equilíbrio durante os movimentos. Num exercício de galope, por exemplo, se um cavalo está galopando em um círculo para a esquerda, o correto seria a mão e o pé esquerdos galoparem à frente da mão e pés direitos e no galope para direita, os pés e mãos direitos deve estar à frente do conjunto esquerdo. Esse seria o movimento correto e o que a gente chama de “cavalo na mão correta”.

Foco no posterior

A troca de mão é um processo que exige que o cavalo queira fazer força no posterior (pé) correto. Agora você deve estar se perguntando: por que o pé e não a mão, se estamos falando de “troca de mão”? Simples. Porque se o seu cavalo estiver usando o pé correto, automaticamente ele estará usando a mão correta. Você nunca vai ver um cavalo que galopa usando o pé direito e mão esquerda, por exemplo, mas é possível um cavalo galopar pra direita, com a mão direita e no pé esquerdo. Então, o nosso foco principal e primeiro passo é lembrar que o cavalo precisar galopar no pé correto. Se ele está no pé correto, ele está na mão correta.

Controle das espáduas e animal alinhado

Outro ponto muito importante para ensinar o cavalo a trocar de mão é ter total controle das espáduas do cavalo e o animal deve estar alinhado. Isso porque se o cavalo galopa para o lado esquerdo e você pede comando para o lado direito, a espádua precisa percorrer um caminho muito grande para se alinhar e chegar na direção correta para que o animal possa trocar de mão. Outro exemplo é o cavalo que galopa com a garupa desalinhada, nesse caso, ao pedir o movimento, o animal vai realizar um movimento mais longo e difícil pra alinhar a garupa e mudar a mão.   Um dos grandes mitos que ouvimos por aí é que para realizar a troca de mão, você precisa mudar o lado do cavalo. Mas isso não é verdade! Alguns cavalos que têm controle de espáduas e que aprenderam a fazer força no pé correto, a qualquer momento se você trocar de direção, ele automaticamente vai trocar de mão. Por isso, nós, aqui da CVAQ, costumamos treinar os cavalos com a nossa metodologia em linha reta.

Boa impulsão

A troca de mão também está muito relacionada ao impulso que o cavalo tem e isso é algo biológico e característico de animal para animal.

Se o seu cavalo tem baixa impulsão, você vai ter mais dificuldade de trocar de mão, e se você tem um cavalo com uma boa impulsão, essa tarefa fica mais fácil. Por isso, trabalhe bastante o controle de garupas, controle de espáduas, faça exercícios de flexionamento de costelas e treine a saída e galope nos dois pés pra conseguir a troca de mão de forma mais fácil.     Pra finalizar, a nossa dica que você pode começar a colocar em prática com seu animal é: por exemplo, se você está galopando na mão direita e quer mudar pra mão esquerda, você está fazendo, levemente, mais contato com a perna esquerda. Então, experimente tirar a perna esquerda, dar um intervalo rápido e colocar a perna direita em contato com o animal e assim pedir o comando para o lado direito.     Essa é a base da metodologia da CVAQ e as técnicas que usamos e temos tido resultados incríveis. Se você tem esses três ingredientes que foram falados no texto, provavelmente não vai ter dificuldade na hora de fazer a troca de mão. No nosso canal do YouTube e nas nossas redes sociais você encontra mais dicas como essas, que vão te ajudar a fazer uma doma perfeita e se tornar campeão na pista de vaquejada.

 

Visite nossas redes: Canal no Youtube e Perfil do Instagram.

Acompanhe também o nosso blog para ficar de olho nas próximas dicas!

 

Próximo post
A influência do treinador sobre o temperamento do cavalo
Post anterior
Ter uma comunicação errada com seu cavalo te atrapalha, entenda
Dicas

15 Comentários. Deixe novo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu